Mercado obriga casal negro a esvaziar bolsa para revista e encontra Bíblia

59Visualizações 2020/10/30
0 0 Salvar Denunciar
  • Clique para assistir mais tarde
X
  • Faça o login para usar
X
  • Feedback enviado com sucesso
Anúncio
+ Expandir - Retirar
Próximo vídeo
Comentários de usuários
  • orgulhosamente preto

    Um casal de negros que fazia compras em uma unidade do supermercado Extra, no bairro do Campo Belo, zona sul de São Paulo, foi obrigado pela caixa a esvaziar a bolsa para ser revistada. O único objeto encontrado foi uma Bíblia. O caso está sendo investigado pela Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância).

    + Expandir - Retirar
  • João da Hora

    Sim, infelizmente vai ter aqueles que concordam com este tipo de situação para como esse casal! É inaceitável, mas se tratando deste país eu não duvido nada! Brasil é MUITO racista.

    + Expandir - Retirar
  • HOMEM PRETO SOBREVIVENTE 1978

    O puliça é ze biscoito que não sabe nem argumentar .

    + Expandir - Retirar
  • Naiara Medeiros

    PM despreparado não quis registrar o BO pro casal procura a justiça sim cabe indenização supermecado tá errado

    + Expandir - Retirar
  • Hudson Barboza

    Entra com processo contra o mercado.

    + Expandir - Retirar
  • Gilberto Firmino sebastiao

    Legal é você ouvir de um policial que esse procedimento é absolutamente normal , poxa você é cliente entra em uma loja para comprar é submetido a um constrangimento ilegal pois está sendo rotulado como ladrão e oque configura o crime e que não existia provas apena a suspeita que foi potencializada usando como prova irrefutável a cor da pele dos envolvidos aí um policial vem dizer que é normal. Queria ver se fosse ele sendo tachado de ladrão até que ponto ele ia achar normal

    + Expandir - Retirar
  • Dac Bru

    No supermercado o casal foi uma vítima sim. Mas a concentração de sp não vi nada de preconceito

    + Expandir - Retirar
  • Avatãra 616

    Povo ignorante, funcionários ignorantes vias dúvidas deixa a pessoa sair, é melhor perder a mercadoria do que o emprego, e o mercado ganhar processo e perder a razão. O mercado vai até entender o erro do segurança de deixar alguém sair com uma mercadoria. Mas o erro de acusar um inocente isso não tem perdão.

    + Expandir - Retirar
  • sam sung

    Estamos sendo roubados todos os dias por políticos,esses que fazem a lei do nosso país esse sim é que tem que ser revistados investigados ,agora vc ir a um supermercado e ser visto ou vista como um ladrão ninguém merece só por causa da cor da pele ,tem que ir pra cima desse supermercado com tudo ,contrata um bom advogado aquele que entra na causa pra ganhar faz isso, e esse policial tá errado o casal foi acusado de roubo e não foi encontrado nada isso só reforça que quem tem dinheiro tem poder e que quem não tem é escravo que vergonha esse casal passou meu Deus não queria está na pele deles eu só teria sossego quando visse esse supermercado processado e uma boa idenisazção por danos morais sem falar que isso é a mando do mercado sim pois está essa graça em todos os mercados que vou nunca mim seguiram mais se isso acontecer eu saiu de lá nào vou falar com gerente nem com ninguem porque eles recebem ordem pra agirem dessa maneira processo em cima desse supermercado.

    + Expandir - Retirar

Isenção de responsabilidade:

Este site oprera upload artigos em tempo real. Não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todos os artigos representa a opinião pessoal dos redatores e não é a posição deste site. O usuário não deve confiar no conteúdo, mas deve julgar a autenticidade do conteúdo à sua própria.Os redatores têm o direito de escrever artigos neste site.

Como o site está sujeito ao modo de operação "publicação em tempo real", portanto, o sistema não pode verificar todos os artigos a tempo. Se você encontrar um problema, deixe uma mensagem ou entre em contato conosco.

O site tem o direito de excluir qualquer conteúdo e rejeitar a publicação de qualquer pessoa e também o direito de não excluir o artigo. Nunca escreva linguagem ofensiva, calúnia, violência pornográfica ou ataques pessoais. Este site reserva todos os direitos legais.